top of page

Como funciona um transistor?

Um transistor tem a capacidade de controlar uma corrente elétrica (ou seja, liberar ou impedir a passagem de elétrons). Mas embora todos os transistores exerçam essa função, cada tipo de transistor irá realizá-la de forma diferente. E é por isso que é possível encontrar diferentes tipos de configurações de transistores no mercado.


Alguns transistores tem a capacidade de serem tão pequenos que quando usados em smartphones podem até mesmo controlar elétrons de forma individual, já quando utilizados em chips eletrônicos (como os de processadores de computador) podem conter até 30 bilhões de transistores em um único chip.


Para oferecer o resultado esperado o transistor utiliza o processo de dopagem, onde átomos de silício são transformados em átomos de gálio, fósforo, etc. Seguindo essa estrutura, há apenas dois tipos de dopagem que podem ser encontrados em transistores, que são: Tipo P (carga positiva) e Tipo N (carga negativa).


Quando usado a dopagem Tipo P, são adicionados átomos capazes de causar uma carência de elétrons. No Tipo N, acontece o contrário, onde são adicionados átomos ao silício capaz de gerar um excesso de elétrons.


FONTE: AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL


1 visualização0 comentário
bottom of page